Iniciativas da comunidade de Barra Grande são exemplos para o estado

Moradores e empresários, cansados de esperar,  reuniram-se, juntaram dinheiro e estão tomando suas próprias medidas para limpar o paraíso piauiense

Nesta última semana, a população residente de Barra Grande reuniu-se para discutir alternativas a fim de minimizar a poluição causada pelo mau destino que tem sido dado ao lixo, o que já foi denunciado aqui no Barra Grande News.

Os caminhos encontrados são reais e inspiradores. Entre as ações, estão: a construção de um ponto de ônibus com materiais recicláveis; a limpeza no Salgado com envolvimento de todos; além de reuniões periódicas para serem traçadas estratégias com o objetivo de que o fim do ano não torne a comunidade em um grande lixão.

A construção do eco-ponto de ônibus, feito de material reciclável, demonstra que, nem todo lixo deve ser descartado. “Todos sabemos que o lixo é um problema na sociedade atual e aqui na Barra Grande este problema tem se agravado nos últimos meses. Participo de um grupo de moradores que está trabalhando há cerca de 6 meses para juntar garrafas e preencher com plásticos e areia para serem feitos eco tijolos. Queremos incentivar as pessoas a reciclarem seu lixo e entenderem que com ele é possível fazer lindas construções”, comemora mais essa conquista, Denny Ottani, dono do Raízes Eco Hostel e um dos envolvidos no projeto.

Ponto de ônibus construído com material reciclável (Foto: Recicla BG)

Em uma outra frente, um grupo de moradores passou a se reunir para também partir para a ação. Depois da população reclamar e esperar, Gislaine Gregório abriu as portas de sua casa e pousada para discussões de melhorias em prol da comunidade: “O plano que traçamos é juntar recursos de todos, sendo moradores, empresários e amantes do local, para realizar a limpeza emergencial da entrada da cidade, antes do fim de ano. Serão necessários: caminhões, material para limpeza, mão de obra e muita vontade de ver nosso lugar limpo novamente. Além disso, queremos minimizar os lixos que serão gerados na virada do ano”, diz Gislaine, dona da Pousada Aldeia Namoa.

“Damos apoio em todas as ações em prol da comunidade, mas esse trabalho deve ser dado continuidade pela administração pública. É dever do poder público fazer a coleta do lixo e dar o destino correto para resíduos do município”, reitera, mais uma vez, Ariosto Ibiapina, proprietário da Pousada BGK.

Nesta quinta-feira (15), o grupo que está envolvido nessa ação emergencial reuniu-se mais uma vez. Na oportunidade, foram contabilizadas as doações para o projeto de limpeza do Salgado e o custo do trabalho, que inclui compra de objetos para a coleta (sacos de lixo, luvas, botas de segurança, rastelos, enxada, pá e carrinho de mão), materiais para área cercada (provisória) para juntar o lixo (estacas, arame, tela e grampo) e mão de obra.

Essas ações têm incentivado outros órgãos a se mobilizarem. A prefeitura e a secretaria de turismo comprometeram-se a enviar caminhões para a coleta do lixo e destinação ao lixão de Cajueiro da Praia, mas o grupo está pressionando os órgãos competentes para garantir também a coleta regular de lixo no município durante o período do Réveillon

Nesta sexta-feira (16) começaram a cercar a área auxiliar para coleta e proteção do lixo na área.

Sujeira no Salgado (Foto: Pedro Neto, da Barratur)O Cajueiro Rei, que, recentemente, foi alvo de um crime, ao ter alguns galhos cortados, também receberá um cuidado especial pela população. Um grupo de jovens do grupo Ces-Caju Eco Sustentável e CajuTur irão se reunir para limpar esse patrimônio socioambiental.

Danilton Nóbrega, do CajuTur, conta que foi discutido entre os jovens condutores de turismo da região uma forma de preserva e cuidar este patrimônio piauiense, de forma autônoma, independente e auto gestora. Dentre as decisões tomadas, está um mutirão de limpeza, que será realizado com ajuda de todos envolvidos, às 7h da manhã, neste sábado (17). “Logo depois, serão discutidos os novos passos a serem tomados para preservação do Cajueiro Rei”, informa.

Danilton Nóbrega lembra que o Cajueiro Rei, reconhecidamente, é o maior cajueiro do mundo: “Foi realizado uma metodologia do estudo com a extração das folhas coletadas em 5 pontos diferentes do Cajueiro Rei onde, sequencialmente, foram submetidos a outros estudos que levassem ao objetivo final. Foram coletados pontos com coordenadas geográficas com o uso do aparelho GPS, sendo observado as áreas da copa da planta, também foram utilizados o Google Earth Pro e Arc Giz. O resultado final do estudo revela a região estudada do gene como uma única espécie com sequência genética idêntica entre elas, o que mostra que o Cajueiro Rei do Piauí é um único pé de caju com total de 8.832 m² com 732 metros de comprimento, sendo assim, o maior cajueiro do mundo.”

Cajueiro Rei (Foto: Danilton Nóbrega, do CajuTur)

Atualização (18/012/2016): Mutirão de limpeza no Cajueiro Rei em Cajueiro da Praia Piauí

Alguns jovens das associações de condutores de turismo da região, como CaJUtur e CES, além de moradores, se reuniram para retirar o lixo de toda trilha do Cajueiro Rei, um patrimônio da cidade.

Esse é um local paradisíaco cheio de vida: além do pé de caju gigantesco, tem várias outras árvores que dão frutos em épocas diferentes do ano, pássaros e animais silvestres. Muitas vezes, eles cruzam a trilha quando os turistas caminham até o acesso a Praia de Itaim, local do estuário do Peixe Boi Marinho.

“Além da limpeza, já foi iniciado um trabalho de educação patrimonial com intuito de disseminar a ideia de pertencimento, a fim de qualificar e melhorar a harmonia entre homem e natureza. Os trabalhos estão apenas começando já temos reunião marcada para janeiro com força total. “, diz Danilton Nobrega, do CajuTur, e um dos coordenadores do evento, ao agradecer a todos que estão contribuindo para esta importante causa.

 

  

…………….

E é assim que os filhos da terra e os trazidos pelo vento mostram, por meio de suas ações, que amam Barra Grande, no município de Cajueiro da Praia, e zelam para que esse lugar continue sempre um paraíso.

Barra Grande: preservar é preciso (Foto: Suzane Jales)

……………………..
Por: Suzane Jales
Apoio: Ascom BGK
Foto de capa: Reprodução/TV Clube

 

4 comentários em “Iniciativas da comunidade de Barra Grande são exemplos para o estado

  • 30/01/2017 em 18:20
    Permalink

    Infelizmente tocaram fogo no ponto de ônibus de Barra Grande. Não entendo como uma criatura pode ser tão destrutiva dessa forma.

    Resposta
    • 30/01/2017 em 20:18
      Permalink

      Muito triste mesmo, Cláudia!

      Resposta
  • 21/12/2016 em 04:38
    Permalink

    Tem o projeto BarraPets que promove o controle dá natalidade de animais de rua, domiciliados e semi domiciliados e também promove seu bem estar

    Resposta
    • 21/12/2016 em 12:16
      Permalink

      Beleza, Emamanuel! Já está na pauta para fazermos uma matéria do projeto BarraPets e do projeto Vivo. Valeu pela contribuição!

      Resposta

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Pin It on Pinterest